30 junho 2013

E.B.F 2013









08 junho 2013

Bodas de Casamento

Boda (pronuncia-se "bôda") é a festa que celebra o aniversário de casamento. No Brasil. é costume dizer Bodas, no plural. As bodas de prata (vinte e cinco anos de casamento) e de ouro (cinqüenta) são as mais conhecidas e comemoradas.
Todas as datas e aniversários são importantes para os casais felizes. Mas enquanto as comemorações dos primeiros aniversários de casamento passam-se na intimidade, em geral as bodas maiores assumem um caráter eminentemente social. É quando a comemoração exige maior brilho e maior destaque. Em geral, não só a família, mas todos os amigos são convocados para participar do acontecimento.
Poucas pessoas conhecem a origem etimológica da palavra boda. Ela provém da palavra latina votum, que significa promessa. Desta forma, quando se diz "minha boda" estamos dizendo "minha promessa".
De acordo com o seu significado religioso, sem dúvida é a promessa por excelência, que um homem e uma mulher podem fazer diante de Deus, realizando seu compromisso de esposo e esposa diante de um altar consagrado. Uma promessa para toda a vida, e esse é o ditame de seu ritual.
Por isso esse momento tão especial deverá ser comemorado em toda sua magnitude, unido a cada um dos elementos que contribuem para que essa promessa tenha a força simbólica que merece.
A própria definicação da palavra casamento (ou matrimônio) reforça esse caráter solene. Segundo os dicionários:
Casamento: ato de casar, união legítima entre homem e mulher, matrimônio, cerimônia ou festa nupcial.
Casamento: sm. 1. União solene entre duas pessoas de sexos diferentes, com legitimação religiosa e/ou civil; núpcias. 2. A cerimônia dessa união. 3. Fig. Aliança, união. (Dicionário Aurélio).
É tradicional, na cultura ocidental, se comemorar com bodas os eventos relativos ao casamento, e com o jubileu, outros fatos marcantes da vida social. Para marcar cada um desses eventos se associa a cada data das bodas algum material que o represente. Por exemplo:
OURO: O ouro fascina a humanidade desde a sua descoberta. De todos os metais, apenas ele reúne beleza, brilho, virtual indestrutibilidade e maleabilidade.
DIAMANTE: Da palavra grega "adamas" que significa força e eternidade do amor surgiu a denominação diamante.
Normalmente as alianças de casamento são confeccionadas em ouro, simbolizando a indestrutibilidade dessa união. Nas joalherias, tradicionalmente são produzidas alianças específicas para as bodas de prata e bodas de ouro.
O anel como sinal de comprometimento, ou seja, a aliança, foi utilizada a primeira vez pela Civilizacao Romana repetindo-se esta tradição até hoje em outros povos. As alianças de casamento assumem um papel de grande importância nessa comemoração, pelo próprio significado do nome dado a essa jóia:
Aliança: ato ou efeito de aliar, casamento, anel de noivado ou de casamento.
Aliar ( do latim "alligare" ) : unir, fazer ligação, harmonizar, combinar, agrupar, unir em casamento, ligar-se, confederar-se, casar-se."
Conta-se que por volta de 1800 eram divididas ao meio e internamente tinham escritas frases como "Para sempre" e "Eu te amo", ou pedras encrustadas.
Embora a maioria das pessoas só conheça as bodas de prata (25) e de ouro (50), a cultura popular associou um material para cada aniversário de casamento, independentemente dos anéis, que representa uma nova etapa de vida.
Haja criatividade!
Embora ocorram variações nos materiais associados, a lista abaixo é a que encontramos mais freqüentemente:
01º - Bodas de Papel
02º - Bodas de Algodão
03º - Bodas de Couro ou Trigo
04º - Bodas de Flores, Frutas ou Cera
05º - Bodas de Madeira ou Ferro
06º - Bodas de Açúcar ou Perfume
07º - Bodas de Latão ou Lã
08º - Bodas de Barro ou Papoula
09º - Bodas de Cerâmica ou Vime
10º - Bodas de Estanho ou Zinco
11º - Bodas de Aço
12º - Bodas de Seda ou Ônix
13º - Bodas de Linho ou Renda
14º - Bodas de Marfim
15º - Bodas de Cristal
16º - Bodas de Safira ou Turmalina
17º - Bodas de Rosa
18º - Bodas de Turquesa
19º - Bodas de Cretone ou Água Marinha
20º - Bodas de Porcelana
21º - Bodas de Zircão
22º - Bodas de Louça
23º - Bodas de Palha
24º - Bodas de Opala

25º - Bodas de Prata

26º - Bodas de Alexandrita
27º - Bodas de Crisoprásio
28º - Bodas de Hematita
29º - Bodas de Erva
30º - Bodas de Pérola
31º - Bodas de Nácar
32º - Bodas de Pinho
33º - Bodas de Crizopala
34º - Bodas de Oliveira
35º - Bodas de Coral
36º - Bodas de Cedro
37º - Bodas de Aventurina
38º - Bodas de Carvalho
39º - Bodas de Mármore
40º - Bodas de Esmeralda
41º - Bodas de Seda
42º - Bodas de Prata dourada
43º - Bodas de Azeviche
44º - Bodas de Carbonato

45º - Bodas de Rubi

46º - Bodas de Alabastro
47º - Bodas de Jaspe
48º - Bodas de Granito
49º - Bodas de Heliotrópio

50º - Bodas de Ouro

51º - Bodas de Bronze
52º - Bodas de Argila
53º - Bodas de Antimônio
54º - Bodas de Níquel
55º - Bodas de Ametista
56º - Bodas de Malaquita
57º - Bodas de Lápis-lazúli
58º - Bodas de Vidro
59º - Bodas de Cereja

60º - Bodas de Diamante
61º - Bodas de Cobre
62º - Bodas de Telurita
63º - Bodas de Sândalo
64º - Bodas de Fabulita
65º - Bodas de Platina
66º - Bodas de Ébano
67º - Bodas de Neve
68º - Bodas de Chumbo
69º - Bodas de Mercúrio
70º - Bodas de Vinho
71º - Bodas de Zinco
72º - Bodas de Aveia
73º - Bodas de Manjerona
74º - Bodas de Macieira

75º - Bodas de Brilhante ou Alabastro
76º - Bodas de Cipestre
77º - Bodas de Alfazema
78º - Bodas de Benjoim
79º - Bodas de Café
80º - Bodas de Nogueira ou Carvalho
81º - Bodas de Cacau
82º - Bodas de Cravo
83º - Bodas de Begônia
84º - Bodas de Crisântemo
85º - Bodas de Girassol
86º - Bodas de Hortênsia
87º - Bodas de Nogueira
88º - Bodas de Pêra
89º - Bodas de Figueira
90º - Bodas de Álamo
91º - Bodas de Pinheiro
92º - Bodas de Salgueiro
93º - Bodas de Imbuia
94º - Bodas de Palmeira
95º - Bodas de Sândalo
96º - Bodas de Oliveira
97º - Bodas de Abeto
98º - Bodas de Pinheiro
99º - Bodas de Salgueiro
100º - Bodas de Jequitibá

04 junho 2013

DIA DAS MÃES


Pergunta: "O que diz a Bíblia sobre ser uma mãe cristã?"

Resposta:
Ser mãe é um papel muito importante que o Senhor escolhe para dar a muitas mulheres. Às mães é dito que amem seus filhos em Tito 2:4-5, que diz: “Para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes, a amarem seus maridos, a amarem seus filhos, A serem moderadas, castas, boas donas de casa, sujeitas a seus maridos, a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada.” Em Isaías 49:15a a Bíblia diz: “Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre?” Quando se começa a ser mãe?

Os filhos são presentes do Senhor (Salmos 127:3-5). Em Tito 2:4, aparece a palavra grega “phileoteknos”. Esta palavra representa um tipo especial de “mãe-amor”. A idéia que esta palavra evoca é de “preferir” nossos filhos, “cuidar” deles, “alimentá-los”, “abraçá-los” com amor, “satisfazer suas necessidades”, “amavelmente ser amiga” de cada um como único vindo da mão de Deus. A Escritura nos ordena para que vejamos “mãe-amor” como nossa responsabilidade. A palavra de Deus ordena tanto às mães quanto aos pais para que façam várias coisas na vida de seus filhos, dando:

Disponibilidade – manhã, tarde e noite (Deuteronômio 6:6-7).

Envolvimento – interagindo, colocando pontos de vista, pensando e processando a vida juntos (Efésios 6:4).

Ensinamento – sobre as Escrituras, a visão bíblica do mundo (Salmos 78:5-6, Deuteronômio 4:10, Efésios 6:4).

Treinamento – ajudando o filho a desenvolver habilidades e descobrir seu potencial (Provérbios 22:6).

Disciplina – ensinando o temor do Senhor, ensinando seus limites de forma consistente, amorosa e firme (Efésios 6:4, Hebreus 12:5-11, Provérbios 13:24, 19:18, 22:15, 23:13-14, 29:15-17).

Nutrição – provendo um ambiente de constante apoio verbal, liberdade de falhar, aceitação, afeto e amor incondicional (Tito 2:4, II Timóteo 1:7, Efésios 4:29-32, 5:1-2, Gálatas 5:22, I Pedro 3:8-9).

Exemplo com integridade – vivendo de acordo com o que ensina, sendo um modelo com o qual o filho possa aprender “captando” a essência de um viver piedoso (Deuteronômio 4:9, 15, 23; Provérbios 10:9, 11:3; Salmos 37:18, 37).

A Bíblia nunca ordena que todas as mulheres devam ser mães. Contudo, diz que aquelas que o Senhor abençoa e se tornam mães devem tomar seriamente tal responsabilidade. As mães têm um papel único e crucialmente importante nas vidas de seus filhos. A maternidade não é um trabalho ou tarefa desagradável. Da mesma forma com que uma mãe gera seu filho durante a gravidez, e da mesma forma com que a mãe alimenta e cuida de seu filho durante a infância, as mães têm também um papel constante na vida de seus filhos, adolescentes, jovens adultos e até filhos completamente adultos. Enquanto o papel da maternidade deve se transformar e se desenvolver, o amor, cuidado, educação e encorajamento que uma mãe dá nunca devem terminar.

JARDIM DAS FLORES

         
Cenário: Jardim com flores ( vista as crianças como flores, faça as pétalas ao redor dos seus rostinhos que serão os miolos e a roupa pode ser verde), as crianças deverão compor o cenário, porém devem representar flores que ainda não floresceram, portanto ficarão sentadas ou como você achar melhor.

Personagens: Um(a) jardineiro(a), um anjo, crianças que compõem o jardim e um narrador.

A peça se inicia com a fala do narrador, enquanto no jardim, o jardineiro anda de um lado para o outro a olhar as suas mudas que não florescem.

(o narrador não aparece na peça, deverá ficar escondido com microfone)

Narrador: Em um vilarejo bem distante, havia um jardineiro que amava muito a Deus, mas estava tão triste porque ele tinha um jardim que não cresciam flores. Ele andava o dia todo pelo jardim mas não achava solução para o seu problema. Mas um belo dia ele recebeu uma visita muito especial.

(entra o anjo)

Anjo: Olá, tudo bem?

Jardineiro: Você é um anjo?

Anjo: Sim! O Senhor Criador me mandou aqui para te ajudar.

Jardineiro: Obrigado, mas acho que   você não vai poder me ajudar.

Anjo: Por que?

Jardineiro: Onde já se viu, anjo entender de jardim e flores?

Anjo: Eu posso não entender muito, mas Deus entende, pois foi Ele quem  criou todas as coisas desde um delicado lírio do campo até a mais alta seringueira. E é por isso que Ele é o maior e melhor jardineiro que eu conheço.

Jardineiro: É, eu havia me esquecido da grandeza do nosso Deus, era só pedir que Ele me ajudava.

Anjo: Bom chega de conversa e vamos ao trabalho. Deus me deu algumas sementes, espere que vou buscar.

(o anjo sai)

Narrador: Como alguns de nós o jardineiro se esqueceu da grandeza do nosso Deus, pois é só pedir a Ele com muita fé que Ele nos responde. Mas como Deus sempre pensa em tudo, mandou um anjo para ajudar nossa amiga. Vamos ver o que aconteceu?

(O anjo volta trazendo as sementes num saquinho)

Anjo: Me ajude aqui, por favor!

(o anjo despeja as sementes nas mãos do jardineiro)

Jardineiro: Estou indo, estou indo! Como são lindas essas sementes!

Anjo: Agora eu vou embora, já fiz a minha parte.

(o anjo vai embora)

Jardineiro: Até mais seu anjo!
               Agora vou cuidar das minhas filhas, preparar a terra, regar, conversar e esperar até que elas floresçam e me façam muito feliz.

(O jardineiro boceja e cai no sono)
(As crianças levantam como se as sementes estivessem florescendo)

Narrador: Algumas sonecas depois

(O jardineiro acorda)

Jardineiro: Nossa, como o meu jardim está florido, meu Deus como são lindas e perfumadas. Obrigado Senhor por cuidar de nós como seus filhos amados. Por que eu amo cada florzinha dessas como se fossem minhas filhas.

Agora o jardineiro fala com as mamães da igreja: (se preferir, divida esta fala entre as crianças, ficará um pouquinho para cada)  

Mas agora nós temos um recadinho para cada mamãe que esta aqui hoje.

Quando Deus colocou aquela sementinha no seu ventre, você preparou a terra, regou e até conversou com ela, fez carícias e já amou profundamente, e esperou durante 9 meses para conhecer aquele pequeno botão.
Então você cuidou, deu banho, viu os primeiros passos, ensinou as primeiras palavras deu as primeiras broncas e ouviu muitos choros, mas valeu a pena, não valeu?
E hoje essas pequenas sementes estão florindo cheias de vigor e de perfume, tão lindas como as suas mães, porque se não fossem elas cuidar de  nós poderíamos ter murchado e não estaríamos aqui hoje para contar esta bela história.
E agora este lindo jardim tem um recado.

Todas as crianças: NÓS TE AMAMOS MAMÃE!!!!



Seguidores

DEVOCIONAL DIARIO:

Hora:

Loading...